Ministro Marco Aurélio pede parecer à PGR sobre cheques de Queiroz à Michelle Bolsonaro

Michelle Bolsonaro

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Às vésperas de sua aposentadoria, que deve acontecer em julho, o ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), enviou na última sexta-feira (23) um pedido de análise da Procuradoria-Geral da República (PGR) sobre os R$ 89 mil depositados em cheques por Fabrício Queiroz na conta da primeira-dama, Michelle Bolsonaro, entre 2011 e 2016.

A notícia de fato foi feita pelo advogado Ricardo Bretanha junto ao STF em agosto do ano passado, mas só agora Mello resolveu pedir o parecer à PGR.

A informação consta da quebra de sigilo de Queiroz nas investigações sobre o esquema de corrupção montado por Flávio Bolsonaro (Republicanos/RJ) na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (ALERJ).

À época que a informação foi divulgada, em princípio no valor de R$ 24 mil, Jair Bolsonaro justificou os depósitos atribuindo ao pagamento de um suposto empréstimo que teria feito ao “amigo de décadas”, Fabrício Queiroz.

Fonte: Revista Fórum

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *