Regina Duarte terá que se retratar à família de Lula por fake news sobre Dona Marisa

Regina Duarte

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Segundo informou Nelson Lima, na coluna de Ancelmo Góis no Globo, o juiz Manuel Eduardo Pedroso Barros, da 12ª Vara Cível de Brasília, decidiu condenar parcialmente a atriz e ex-secretária nacional de Cultura, Regina Duarte.

Ela terá de se retratar por propagar uma notícia falsa sobre Marisa Letícia Lula da Silva, a Dona Marisa, mulher do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, morta em 2017. A decisão ainda cabe recurso.

O processo foi ajuizado por Lula e seus filhos em 2020, depois que a então secretária de Cultura publicou imagem no Instagram afirmando que foram encontrados R$ 256 milhões em uma conta da ex-primeira-dama.

Como se sabe, o valor correto nas contas de Dona Marisa era de R$ 26.281,74.

O juiz responsável pelo caso concordou que Regina “propalou Fake News a respeito do patrimônio da falecida Marisa Letícia”, mas que fora “induzida a erro” pelo fato de o valor errado ter sido informado pela Justiça, não cabendo indenização. O magistrado, porém, considerou que há necessidade de retratação diante da relevância do tema.

Caso não cumpra a determinação, Regina estará sujeita a multa entre R$ 150,00 a R$ 50 mil.

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA MAIS