Felipe Neto reitera acusação de genocídio contra Bolsonaro e diz que não vai se intimidar

Felipe Neto

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

O youtuber Felipe Neto, que passou a ser investigado por crime contra a segurança nacional, após chamar Jair Bolsonaro de genocida e receber denúncia apresentada pelo vereador Carlos Bolsonaro, um dos chefes do chamado “gabinete do ódio”, postou um pronunciamento nas redes sociais, em que reitera a acusação e diz que não se calará.

Confira:

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

VEJA MAIS