“Ciro decidiu que quer o voto de quem odeia o PT, que vá com Deus”, diz Lula

Ciro Gomes e Lula

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse não ter interesse em correr à Presidência em 2022 e que sua intenção é ser “cabo eleitoral”.

Em entrevista à Rádio Difusora do Maranhão nesta quinta-feira (21), Lula destacou que tem “muita gente boa” no PT, citando Fernando Haddad, e também demonstrou simpatia por Flavio Dino, do PCdoB.

“Eu já disse que não preciso ser candidato outra vez, apesar de achar que vou viver até os 120 anos. O PT tem muita gente boa, tem o companheiro Fernando Haddad. O PCdoB tem o Flávio Dino. Eu quero ser cabo eleitoral”, afirmou o ex-presidente.


ACOMPANHE NOSSAS REDES SOCIAIS


As falas também foram reproduzidas no Twitter oficial de Lula. Questionado sobre a formação de uma frente ampla progressista, ele destacou que o diálogo é importante, mas deu um recado mais duro para Marina Silva e Ciro Gomes, sempre muito críticos do PT.

“A Marina escolheu outro caminho. Que Deus a abençoe. O Ciro decidiu que quer o voto de quem odeia o PT. Que vá com Deus. Se for possível construir um projeto pra reconquistar a democracia, tamo junto. Mas na eleição cada um vai tocar seu projeto”, disse Lula.

Com informações da Revista Fórum

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *