Na TV advogado de Bolsonaro afirma que PT pagou Adélio para esfaqueá-lo

Advogado de Bolsonaro no programa Aqui na Band

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

O advogado de Bolsonaro, Frederick Wassef, disse ao vivo em um programa na TV Bandeirantes, nesta segunda-feira (11), que uma suposta testemunha teria afirmado a ele que o “PT pagou Adélio Bispo para esfaquear Jair Bolsonaro”. 

“Esse indivíduo gravou Adélio e disse que existem outras testemunhas apavoradas e com medo de serem assassinadas”, disse o advogado. 


ACOMPANHE NOSSAS REDES SOCIAIS


“Não estou imputando nada a ninguém, mas apenas estou relatando fatos”, acrescentou. 

O advogado ainda reclamou da visibilidade da imprensa no assassinato de Marielle Franco: “Quem mandou matar Bolsonaro”, questionou. 

Confira o vídeo

COMENTÁRIOS

Uma resposta

  1. O advogado já saiu pela tangente quando usou o termo “uma suposta testemunha” e disse também em outro trecho que “não quer imputar nada a ninguém”, já livrando o pelo. Tudo isso já estava na cartilha do Império Romano: “Panem et circenses” ou a política do “pão e circo” para desviar a atenção dos problemas da Covid e das ameças de afastamento do PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *