Juíza dá 48 horas para Bolsonaro apresentar exame de coronavírus

Bolsonaro participa de manifestação em Brasília

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Na noite desta segunda-feira (27), a juíza Ana Lúcia Petri Betto da Justiça Federal, determinou que a União terá um prazo de 48 horas para fornecer “os laudos de todos os exames” feitos pelo presidente da República para identificar a infecção ou não pelo novo coronavírus.

O jornal o Estado de S. Paulo, que teve o pedido de acesso ao resultado do exame negado diversas vezes, foi o autor deve nosso pedido. Bolsonaro já disse que o resultado dos exames deu negativo, mas se recusou até hoje a divulgar os laudos.


Fique informado, acompanhe o blog Contra Corrente nas redes sociais:
Facebook, Instagram e Twitter


“No atual momento de pandemia que assola não só Brasil, mas o mundo inteiro, os fundamentos da República não podem ser negligenciados, em especial quanto aos deveres de informação e transparência. Repise-se que ‘todo poder emana do povo’ (art. 1º, parágrafo único, da CF/88), de modo que os mandantes do poder têm o direito de serem informados quanto ao real estado de saúde do representante eleito”, afirmou a juíza.

Antes mesmo de ser oficialmente notificada, a Advocacia-Geral da União (AGU) enviou à Justiça Federal de São Paulo uma manifestação em que se opõe à divulgação do resultado do exame de Bolsonaro. Em seis páginas, a AGU diz que o pedido deve ser negado, sob a alegação de que a “intimidade e a privacidade são direitos individuais”.

Fonte: Carta Capital

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *